Museu Jorge Amado é apresentado

Identidade será mantida

Depois de nove anos fechada para visitantes, a residência de Jorge Amado, no Rio Vermelho, foi aberta pelos familiares para a apresentação do projeto arquitetônico que a transformará em museu.

Os convidados assistiram ao vídeo com imagens computadorizadas do trabalho que o arquiteto português Miguel Correia preparou, gratuitamente, para a casa.

Segundo Jorge Amado Neto, o evento foi o pontapé inicial na busca pela viabilização do projeto. O governador Jaques Wagner declarou que o governo tem interesse em financiá-lo. “Podemos bancar até a totalidade, só dependemos de encontrar o arcabouço institucional que permita a participação do estado”, afirmou.

A intenção de financiar o projeto foi expressa pelo governador com a mesma firmeza com que ressaltou sua importância para a Bahia. “Será um espaço onde o mundo poderá cultuar não só Jorge e Zélia, mas também a língua portuguesa e a luta contra a opressão e a favor da liberdade que marca a obra do escritor”, disse.

Entre as possibilidades jurídicas que podem abrir espaço para uma participação mais ativa do estado, Jaques Wagner citou o tombamento (que já foi negado pela família, que acredita ser um empecilho para viabilização o projeto como foi concebido) e a transformação do museu em uma fundação.

“Não é só a questão do projeto arquitetônico, mas também a manutenção do espaço, de forma perene, que temos que pensar”, lembrou, deixando claro, no entanto, que será a vontade da família que guiará a participação do estado.

Segundo Jorge Amado Neto, o próximo passo é conversar com os interessados em alavancar o projeto, sejam eles do governo ou da iniciativa privada. “Não temos nenhuma opinião formada sobre qual a melhor maneira de viabilizá-lo. Vamos conversar, analisar e negociar, pois queremos um museu que sobreviva sem problemas no futuro”, destacou.

Um café da manhã foi oferecido como parte do evento, que contou também com a presença dos candidatos à prefeitura de Salvador ACM Neto, Mario Kertész e Nelson Pelegrino. Ao final, o governador Jaques Wagner entregou presentes para os filhos do escritor, Paloma e João Jorge, e ao neto Jorge Amado Neto, em celebração ao seu centenário.

Identidade será mantida

O vídeo que apresenta o projeto do arquiteto português Miguel Correia deixou claro que muito da arquitetura atual será mantida. Correia, que, segundo Jorge Amado Neto, é um dos dez maiores arquitetos do mundo, elogiou o espaço que tem a assinatura do arquiteto Gilberbet Chaves, e confirmou que manterá muito da estrutura atual.

“É antes de tudo uma reforma, pois vamos manter a estrutura básica desse lugar que já é lindo e mágico”,

A maior transformação ocorrerá no jardim. As árvores plantadas pelo casal Jorge e Zélia vão sombrear caramanchões, entre outras estruturas, que comporão um espaço de convivência para os visitantes do museu.

Dentro da casa, as maiores mudanças serão no sentido de adaptar o espaço para comportar o acervo que permitirá ao público uma maior proximidade com o escritor.

O arquiteto se declarou “extremamente feliz” por está doando seu talento para o projeto da família Amado, da qual afirma se sentir parte. Correia também demonstrou confiança na viabilidade econômica de um museu para a memória de “um dos maiores escritores da língua portuguesa”.

“Será o mesmo sucesso da casa de Saramago em Portugal”, acrescentou.

Segundo Paloma Amado, filha do escritor baiano, a ideia de transformar a casa em museu nasceu de um misto de clamor popular com o desejo de membros da família. Ela conta que a gêneses da ideia se deu na última vez em que a casa foi aberta ao público, nove anos atrás.

“O povo queria ter acesso à casa, então, decidimos fazer um café da manhã durante os dias 9 e 10 de agosto de 2003. A Fundação Casa de Jorge Amado organizou e disponibilizou os convites, e o que aconteceu acabou por mudar a história da casa”, conta.

Ela relata que centenas de pessoas disputaram os convites. “Mais de 600 pessoas conseguiram entrar. Foi lindo, no mesmo dia víamos na casa vendedores ambulantes e autoridades internacionais buscando informações sobre meu pai e sua obra”. Com isso, conta Paloma, Zelia Gattai, que era reticente em não deixar o local onde viveu com o marido desde a década de 1960, resolveu se mudar e abrir o espaço para os admiradores do casal.

Sem apoio, projeto parou

Paloma narra, no entanto, que a partir daí o projeto de transformar a casa em um espaço de visitação parou na falta de apoio. Com isso, a casa ficou fechada por anos, acumulando problemas em sua estrutura.

“Tivemos que leiloar um acervo que meu pai mantinha no Rio de Janeiro para fazer a reforma. O leilão, realizado há três anos, levantou R$ 2 milhões, o que permitiu que a casa tivesse a aparência que tem hoje”, conta.

De acordo com Paloma, a maior parte do dinheiro foi investida em uma obra cujo resultado não é visível. “As raízes das arvores estavam rompendo o concreto em vários pontos da casa. Tivemos que construir um muro subterrâneo, ao redor de toda ela para que a estrutura não fosse atingida, nem as árvores arrancadas”, relata.

A beleza da casa que foi aberta para a apresentação do projeto arquitetônico do museu chamou a atenção de todos os presentes e principalmente de um grande amigo do escritor que não escondeu a emoção em ver o espaço recuperado.

“Fico muito feliz de ver a casa assim. Lembro da última vez que estive aqui. A casa estava em um estado deplorável. Lembro da tristeza que senti ao perceber que a Bahia não estava dando o valor que Jorge Amado merece”, disse o artista plástico Mario Cravo.

*Matéria do repórter Carlos Vianna Junior, publicada originalmente na versão impressa da Tribuna da Bahia

Leave a Comment

Your email address will not be published.

Política

Pré-candidato a prefeito de Juazeiro, Tom Zé manteve encontros importantes esta semana, em Brasília 

post-image

O advogado e pré-candidato a prefeito de Juazeiro, Tom Zé (PT), visitou Brasília nos últimos dias, oportunidade em que manteve contatos com ministros, senadores, deputados e outras lideranças na capital federal.

“Esta semana fiquei em Brasília e tive boas conversas sobre a região, especialmente sobre Juazeiro. Mantive contatos promissores e uma agenda muito interessante buscando investimentos para a região e pavimentando relações que serão muito importantes se tivermos a oportunidade de chegar à prefeitura do município”, disse Tom Zé, que tem seu nome ventilado com pré-candidato a prefeito pelo PT.

Tom Zé visitou o Ministro Rui Costa, na Casa Civil; Waldez Góes, no Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional, manteve encontros com os senadores Otto Alencar e Ângelo Coronel, dentre outros parlamentares e órgãos da administração federal.

Redação redeGN

Política

Em 65 cidades de PE, mais da metade da população vive sem esgoto adequado, diz Censo do IBGE

post-image

Em Pernambuco, 65 cidades têm mais da metade da população vivendo em lares sem descarte adequado de esgoto. É o que mostram novos dados do Censo 2022 divulgados nesta sexta-feira (23) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em todo o estado, mais de 3,1 milhões de pessoas vivem sem saneamento básico, o que equivale a cerca de um terço da população.

Os dados mostram que, em 2022, o Brasil tinha 49 milhões de pessoas vivendo em lares sem descarte adequado de esgoto. Esse número equivale a 24% da população. Esse percentual sobe para 68,6%, entre pretos e pardos — que compõem pouco mais da metade da população brasileira.

É considerado descarte adequado o esgoto que vai para as redes públicas de coleta (geral ou pluvial) ou para fossas sépticas ou com filtro, ainda que depois…

Read More
Política

Amorim diz que é um ‘absurdo’ Israel considerar Lula persona non grata

post-image

O assessor para assuntos internacionais do Palácio do Planalto, Celso Amorim, afirmou considerar “um absurdo” a decisão do governo de Israel de considerar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva persona non grata. A medida foi anunciada ontem, um dia depois de Lula comparar a morte de milhares de palestinos na Faixa de Gaza ao Holocausto que matou milhões de judeus durante a Segunda Guerra Mundial.

“Ainda não falei com o presidente e, portanto, vou dar minha opinião: acho um absurdo essa declaração do governo de Israel”, disse Amorim ao GLOBO, momentos antes de chegar ao Palácio da Alvorada, para uma reunião com o presidente.

Outro fator de irritação em Brasília, revelada por interlocutores da área diplomática, foi a convocação do embaixador do Brasil em Israel, Frederico Meyer, para uma reunião com autoridades israelenses no Museu do…

Read More
Política

Com 108 assinaturas, impeachment de Lula já tem destino certo com Lira

post-image

A despeito das mais de 100 assinaturas reunidas na Câmara, entre deputados de oposição e até de partidos da base aliada do governo, o pedido de impeachment de Lula que deve ser protocolado nesta terça-feira (20/2) já tem destino certo: vai repousar em alguma gaveta do gabinete de Arthur Lira.

O presidente da Câmara não vem dizendo publicamente o que vai fazer em relação ao pedido contra o presidente, mas a expectativa de aliados próximos a ele é que Lira não faça nada e sente em cima do papel.

Ou seja: se aceitar o pedido está fora de cogitação, tampouco Arthur Lira o arquivará, o que desagradaria a oposição na Câmara.

O pedido de impeachment de Lula foi articulado depois da comparação feita pelo…

Read More
Política

Apoiadores de Bolsonaro organizam caravanas para ato na Paulista

post-image

Pouco mais de dois dias após a convocação do ex-presidente Jair Bolsonaro para que seus apoiadores participem de uma manifestação na Avenida Paulista, bolsonaristas organizam caravanas de outros lugares no Brasil para irem à principal via de São Paulo.

A reportagem detectou movimentos em Divinópolis (MG), Indaiatuba (SP), Pouso Alegre (MG), São José dos Campos (SP) e São Gonçalo (RJ). Os valores dos veículos fretados varia entre R$ 60 e R$ 200.

Bolsonaristas usam, sobretudo, as redes sociais abertas para divulgar a iniciativa e alcançar mais pessoas. As publicações foram encontradas no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Telegram.

Nelas é possível ter informações do local de onde partirão os ônibus, valor de passagem, horário de partida dos veículos e telefone dos organizadores.

Os usuários são então redirecionados para os…

Read More
Política

Bolsonaro convoca ato na Avenida Paulista: “Quero me defender”

post-image

O ex-presidente Jair Bolsonaro está convocando apoiadores para um ato na Avenida Paulista, em São Paulo, no último domingo de fevereiro (25/2).

Por meio de um vídeo, o ex-presidente afirma que estará pessoalmente no evento e que usará o ato para se “defender” das recentes acusações das quais é alvo.

Sem citar nomes, Bolsonaro pede ainda que os apoiadores estejam de verde e amarelo e não levem faixas ou cartazes “contra quem quer que seja”.

“No último domingo de fevereiro, dia 25, às 15h, estarei na Paulista realizando um ato pacífico em defesa do nosso Estado Democrático de Direito. Peço a todos vocês que compareçam trajando verde e amarelo. E mais do que isso: não compareçam com qualquer faixa ou cartaz contra quem quer que seja….

Read More
Política

Em vídeo, Bolsonaro orienta ministros a questionar urnas e Judiciário

post-image

O Supremo Tribunal Federal (STF) tornou público, nesta sexta-feira (09) um vídeo, de uma hora e trinta minutos de duração, de uma reunião na qual o ex-presidente Jair Bolsonaro orienta sua equipe ministerial a disseminar informações que coloquem em dúvida a segurança das urnas eletrônicas e a credibilidade do Poder Judiciário.

Bolsonaro diz que “providências” deveriam ser tomadas para mantê-lo no poder. Ao longo do vídeo, o ex-presidente cita uma série de argumentos que deveriam ser reproduzidos por seus ministros.

O vídeo, gravado em 5 de julho de 2022, é uma das provas apresentadas pelo STF no âmbito da Operação Tempus Veritatis, deflagrada na quinta-feira (8) pela Polícia Federal para investigar uma suposta organização criminosa cuja atuação teria resultado na tentativa malsucedida de golpe de Estado no 8 de janeiro de 2023.

Demonstrando preocupação…

Read More
Política

Ordem do STF determina que Bolsonaro entregue passaporte à Justiça

post-image

O ex-presidente Jair Bolsonaro é um dos alvos da Operação Tempus Veritatis, deflagrada nesta quinta-feira (8) pela Polícia Federal (PF) para investigar a existência de suposta  organização criminosa que teria atuado numa tentativa de golpe de Estado.

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a PF apreenda o passaporte de Bolsonaro no âmbito da operação. Ordens de prisão também têm como alvo assessores diretos do ex-presidente, incluindo militares. 

A operação é deflagrada após o ex-ajudante de ordens de Bolsonaro, o tenente-coronel Mauro Cid, ter fechado acordo de colaboração premiada junto a investigadores da PF. O acordo foi enviado à Procuradoria-Geral da República (PGR) e já recebeu a homologação pelo STF.

Nesta quinta, estão sendo cumpridos 33 mandados de busca e apreensão e quatro mandados de prisão preventiva. Ao todo,…

Read More