OMS critica internação forçada

Para analistas internacionais, é preciso oferecer acompanhamento médico completo, proteção social, comida e trabalho para dependentes.

crackA internação compulsória de dependentes de crack não é a maneira mais eficiente de se lidar com o problema do vício, segundo especialistas da ONU e da OMS (Organização Mundial da Saúde) ouvidos pela BBC Brasil.

O tema voltou a debate no Brasil em janeiro, quando o governo de São Paulo fez uma parceria com a Justiça para agilizar a internação forçada de casos extremos de dependentes da droga.

Para o médico italiano Gilberto Gerra, chefe do departamento de prevenção às drogas e saúde do Escritório das Nações Unidas contra a Droga e o Crime (UNODC, na sigla em inglês), é necessário oferecer aos viciados “serviços atrativos e uma assistência social sólida”.

“Uma boa cura de desintoxicação envolve tratamento de saúde, inclusive psiquiátrico para diagnosticar as causas do vício, pessoas especializadas e sorridentes para lidar com os dependentes e incentivos como alimentação, moradia e ajuda para arrumar um emprego”, diz Gerra.

“O Brasil precisa investir recursos para oferecer serviços que funcionem e ofereçam acompanhamento médico completo, proteção social, comida e trabalho para os dependentes”, afirma.

De acordo com ele, o Brasil tem bons profissionais no campo do tratamento das drogas, mas faltam especialistas, e a rede médica nessa área é insuficiente.

Segundo Gerra, a internação compulsória deve ocorrer pelo prazo máximo de algumas semanas e só se justifica quando o dependente apresenta comportamento perigoso para a sociedade ou para si próprio.

Acompanhamento

O médico defende o acompanhamento contínuo mesmo após a fase de desintoxicação, como exames de urina para detectar drogas nas pessoas que receberam auxílio para arrumar um emprego ou a presença de assistentes na hora das compras no supermercado para fiscalizar se o cupom de alimentação recebido é realmente utilizado com essa finalidade.

Autor do documento “Da coerção à coesão: tratando a dependência às drogas por meio de cuidados à saúde e não da punição”, do UNODC, Gerra diz que o tratamento do vício do crack não é feito com remédios e sim com acompanhamento psicológico e psiquiátrico.

Ele afirma ainda que os países democráticos devem “estar atentos” ao sistema de internação compulsória para não transformar isso em uma “rede” de tratamento para lidar com o problema.

Para o médico australiano Nicolas Campion Clark, da direção do abuso de substâncias da Organização Mundial da Saúde (OMS), a internação compulsória traz o risco de “criar uma barreira com o dependente” e afetar sua confiança, dificultando, portanto, o tratamento.

Clark afirma que muitos países possuem legislações que autorizam a internação compulsória de dependentes, mas “isso é usado raramente e não funciona realmente na prática”.

“É melhor encorajar o sistema voluntário de tratamento. É difícil forçar alguém a se tratar. Se você oferecer uma chance para as pessoas se recuperarem e terem comida, alguns vão agradecer, outros vão querer voltar para onde estavam”, afirma.

Problemas múltiplos

O especialista da OMS também afirma que o vício do crack envolve problemas múltiplos — psicológicos e sociais — que devem ser tratados com ações em várias áreas além da médica, como moradia, alimentação, assistência geral e programas de emprego.

Ele afirma que há exemplos de programas de tratamento voluntário de dependentes em países como os Estados Unidos e a Austrália que “ajudam as pessoas a reconstruir suas vidas e não são apenas soluções temporárias”.

O médico cita também o programa brasileiro que permite às grávidas viciadas em crack obter tijolos e materiais para construir casas em troca de tratamento.

“Isso dá instrumentos para que elas façam algo diferente em suas vidas”, afirma.

A OMS já criticou o sistema de internação compulsória de dependentes realizado em países asiáticos. “Eles detém pessoas viciadas e estão tratando casos de saúde com a prisão”, diz Clark.

A organização publicou um documento no ano passado solicitando aos países para fechar os centros de tratamento compulsório de drogas.

Segundo Clark, pelo menos 90% dos dependentes químicos no mundo não recebem tratamento.

São Paulo

Segundo Rosângela Elias, coordenadora de saúde mental, álcool e drogas da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, as propostas do governo paulista para o tratamento dos usuários de crack estão de acordo com as premissas da ONU e da OMS.

O governo paulista iniciou em parceria com a Justiça no último dia 21 um plantão jurídico em uma clínica especializada no tratamento de dependentes químicos no centro da capital. A medida gerou polêmica e atraiu críticas de ativistas de direitos humanos, contrários à internação forçada e que temiam o uso da polícia para levar viciados para tratamento.

Autoridades do governo passaram a dizer então que a polícia não participaria da ação e que apenas em casos extremos a internação compulsória seria empregada. Até agora, nenhum paciente foi internado por ordem judicial e menos de 10 foram internados involuntariamente (a pedido da família, mas sem ordem da Justiça), segundo Elias.

Mas, a exposição na mídia aumentou número de atendimentos voluntários nessa clínica. “Passamos a atender até 120 pessoas em um dia. Esse era o número de pessoas que recebíamos em uma semana”, disse Elias.

Segundo ela, o Estado mantém ainda cerca de 300 vagas em moradias assistidas. Nelas, o viciado em crack em processo de desintoxicação recebe por até seis meses um local para morar, alimentos e incentivos para voltar ao mercado de trabalho.

Nesse período, também é incentivado a frequentar clínicas públicas especializadas onde recebe atendimento clínico e psicológico. De acordo com Elias, há uma mobilização de secretarias estaduais e municipais para ajudar o dependente químico em recuperação a se reinserir na sociedade.

Leave a Comment

Your email address will not be published.

Política Relevantes

TRE-PR forma maioria contra cassação do senador Sergio Moro

post-image

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) já tem maioria contra a cassação do senador Sergio Moro (União Brasil-PR) na tarde desta terça-feira (9/4), com placar de 4 a 2 a favor do ex-juiz da Lava Jato.

A sessão desta terça começou com o placar de 3 a 1 contra a cassação de Moro. No primeiro voto, do desembargador Eleitoral Julio Jacob Júnior, a diferença diminuiu, e o placar foi para 3 a 2. Seguindo o voto do relator, Luciano Carrasco Falavinha Souza, o desembargador Anderson Ricardo Fogaça votou contra a cassação do senador.

Jacob Júnior elogiou tanto o voto do relator quanto o que abriu a divergência. No entanto, decidiu aderir ao voto divergente, do desembargador Eleitoral José Rodrigo Sade. Jacob votou pela procedência das ações pela cassação e inelegibilidade de Moro. Ele considerou que houve…

Read More
Política Relevantes

Isaac Carvalho e Joseph Bandeira firmam parceria para eleições 2024

post-image

“A união entre os ex-prefeitos de Juazeiro renova as esperanças dos juazeirenses, que clamam por mudança na gestão municipal. Isaac e Joseph contam com o apoio do Governador Jerônimo Rodrigues e de outras lideranças importantes da base do Presidente Lula”.

Esta foi a conclusão dos presidentes municipais do PT, Luiz Félix, e do PSB, Naldinho do Quidé, após uma reunião que aconteceu com os líderes políticos, neste fim de semana, em Juazeiro. Além dos presidentes das siglas e os ex-prefeitos, participaram do encontro o também ex-prefeito, Paulo Bomfim (PT), o vereador Alex Tanuri (PT), e Aislan Brito, secretário do PSB/Juazeiro.

Para alguns interlocutores, a parceria entre Joseph Bandeira e Isaac Carvalho, além de um marco na política local, fortalece de vez a oposição à atual gestão. Os dois ex-prefeitos contam com o apoio do Governador Jerônimo Rodrigues,…

Read More
Política Relevantes

Moraes abre inquérito contra Musk após ameaças

post-image

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou, ontem (7), a abertura de um inquérito contra Elon Musk, dono do X, o antigo Twitter, após ameaças do empresário.

A medida acontece após Musk dizer que liberaria contas que haviam sido suspensas por decisões judiciais. Na determinação, Moraes acrescenta que, se a plataforma não respeitar as medidas judiciais, uma multa diária de R$ 100 mil será aplicada por perfil desbloqueado.

“Na presente hipótese, portanto, está caracterizada a utilização de mecanismos ilegais por parte do “X”; bem como a presença de fortes indícios de dolo do CEO da rede social X, Elon Musk, na instrumentalização criminosa anteriormente apontada e investigada em diversos inquéritos”, diz um trecho.

Na ainda decisão, Moraes pede a inclusão de Elon Musk como investigado em um inquérito já existente,…

Read More
Política Relevantes

Lewandowski diz que foragidos de Mossoró capturados tentavam sair do país

post-image

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, afirmou, nesta quinta-feira (4/4), que os dois detentos que fugiram da Penitenciária Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte, tentavam sair do país. Eles foram recapturados no início da tarde em Marabá, no Pará.

Rogério da Silva Mendonça, 35 anos, e Deibson Cabral Nascimento, 33 anos, tinham fugido do presídio no dia 14 de fevereiro. Eles aproveitaram uma falha na arquitetura da unidade prisional.

De acordo com Lewandowski, os dois homens receberam ajuda da facção criminosa Comando Vermelho e foram transportados de carro, inicialmente por 34 km, além de receberem suporte de comparsas. 

“Eles foram presos a 1.600 km do local da fuga, o que mostra que foram ajudados e tiveram auxílio de seus comparsas e da associação criminosa a que pertenciam. Eles estavam…

Read More
Política Relevantes

Vice-presidente Geraldo Alckmin é diagnosticado com Covid

post-image

O vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB) foi diagnosticado com Covid e não cumprirá agendas na segunda-feira (1), informou a assessoria do político neste domingo (31). Segundo o comunicado, o vice-presidente “tem sintomas leves e passa bem”.

Alckmin, que além de vice é ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, permanecerá em casa enquanto se recupera da doença.

Geraldo Alckmin e sua esposa, Lu Alckmin, residem no Palácio do Jaburu, residência oficial da Presidência da República que costuma ser utilizada pelo vice-presidente do Brasil.

Esta é a segunda vez que o vice é infectado pelo coronavírus. A primeira foi em 2022, o que impediu que Alckmin comparecesse presencialmente do lançamento da chapa que formou com Lula para a disputa presidencial daquele ano. O político participou virtualmente.

Médico, Alckmin aplicou a quinta dose de…

Read More
Política

Com investimento de mais de R$ 40 milhões, governadora Raquel Lyra entrega a PE-638 totalmente requalificada

post-image

Mais de 388 mil petrolinenses estão sendo beneficiados com a entrega da restauração da PE-638, feita pela governadora Raquel Lyra nesta terça-feira (26). Importante via para o fortalecimento da produção da fruticultura no Sertão do São Francisco, a estrada recebeu investimentos no valor de R$ 40,7 milhões para as obras, que contemplaram o trecho que vai do entroncamento com a BR-428 até o entroncamento com a BR-407, dentro do Perímetro Público de Irrigação Nilo Coelho, em Petrolina.

“Estou muito feliz em estar de volta à Petrolina entregando a requalificação de uma rodovia que era tão solicitada pela população. Agora, os trabalhadores e moradores daqui vão poder transitar com tranquilidade, ainda mais com o guarda-corpo que colocamos para evitar que os carros caiam no canal, e com isso muitas pessoas perderem seus bens e suas vidas”, destacou Raquel Lyra.

Política

Oficina do Planejamento Regional Integrado (PRI) da Macrorregião Norte é realizada em Juazeiro

post-image

Nos dias 21 e 22 de março de 2024, este Núcleo Regional de Saúde Norte/Secretaria de Saúde do Estado da Bahia-SESAB realizou a Oficina do Planejamento Regional Integrado (PRI) da Macrorregião Norte. O evento aconteceu no Rapport Hotel, em Juazeiro-BA.

Na ocasião, participaram os(as) Secretários(as) Municipais de Saúde da macrorregião e seus técnicos de planejamento em saúde. A oficina foi conduzida pelos membros do Grupo Técnico de Trabalho Macrorregional (GTTM) constituído por representantes de municípios, do Núcleo Regional de Saúde, da SESAB e do Ministério da Saúde. O evento foi iniciado com saudações e acolhimento de Dr. Pedro Alcântara, coordenador do Núcleo Regional de Saúde Norte que na ocasião, também, representava o Subsecretário de Saúde do Estado da Bahia, Dr Paulo Barbosa. 

A primeira discussão trouxe como tema: “Macro que temos x Macro que queremos” apresentada pela…

Read More
Política Relevantes

Simão Durando recebe apoio do Avante e fortalece pré-campanha à reeleição

post-image

O prefeito Simão Durando recebeu mais um importante apoio na sua caminhada de pré-campanha na disputa das eleições deste ano. Nesta quinta-feira (20), o Avante confirmou que marchará junto ao gestor petrolinense no projeto de reeleição. A reunião, que selou a parceria, contou com a participação do presidente do partido em Petrolina, Carlos Alberto Junior, o ex- vereador Junior do Gás, pré- candidatos e candidatas ao legislativo, além do ex-prefeito Miguel Coelho.

É o segundo partido a manifestar desejo por uma reeleição de Simão. A aliança vem para fortalecer o trabalho já realizado no município e em uma futura disputa eleitoral, além de agregar novas lideranças ao grupo.

Na ocasião, Simão Durando agradeceu a confiança do partido ao projeto que tem permitido Petrolina crescer e se destacar nos cenários estadual e nacional. “Petrolina voltou a ser grande…

Read More